Método McKenzie® » Dor Lombar

A dor na região lombar é uma reclamação comum. Ela costuma ser recorrente, com crises mais frequentes e incapacitantes com o passar do tempo, afetando nosso dia a dia, atividades de trabalho e de lazer.

Estudos mostram que a maior parte dos casos de dor lombar é de origem mecânica, isso quer dizer que a dor é causada pelas partes envolvidas com movimento e sustentação de peso, e que determinados movimentos ou posições podem fazer a dor aumentar. Se você é um paciente típico, seu problema é pior quando você se curva para frente e ao ficar sentado muito tempo no trabalho, dirigindo ou no sofá. Pode ser difícil para você se levantar da posição sentada e demora um pouco até que você consiga se colocar de pé com a coluna reta.

Alguns hábitos, posturas ou atividades que podem causar dor lombar:
• Ficar sentado em postura relaxada por muito tempo (no computador, no sofá, no carro etc).
• Atividades em posturas inclinadas ou agachadas (passar aspirador de pó, jardinagem, cuidar de crianças etc).
• Levantar peso de forma incorreta ou quando a carga levantada é pesada demais para o seu corpo.

E se eu fui diagnosticado com hérnia de disco?
Se você foi diagnosticado com hérnia de disco ou protusão discal, não significa que seja grave ou que necessite de cirurgia. Sabemos hoje, que menos de 10% dos pacientes realmente necessitam ou se beneficiam de cirurgia de coluna. Além disso, a maioria dos pacientes que fazem cirurgia pode desenvolver novamente o mesmo problema.

Os pacientes que iniciam seu tratamento com o Método Mckenzie® tem seus sintomas e queixas resolvidas rapidamente com o tratamento durando em média 5 sessões, mesmo quando o exame de imagem mostrou a presença de uma hérnia de disco ou protusão discal.

A EM MOVIMENTO é uma das poucas clínicas no Brasil que oferece esse tratamento através do Método McKenzie®. Aprenda a cuidar da sua coluna e livre-se das dores sem a necessidade de um procedimento cirúrgico!

Entenda o que é hérnia de disco.
A região lombar é formada por cinco vértebras, cada uma possui uma parte sólida na frente e um buraco na parte de trás que quando alinhados, formam o canal espinhal que protege os feixes de nervos que se estendem da cabeça à pélvis – a medula espinhal.

Cartilagens especiais, chamadas discos intervertebrais, separam as vértebras e ficam logo à frente da medula espinhal. Eles são como discos de borracha e funcionam absorvendo choques e permitindo a movimentação entre as vértebras e da coluna como um todo. Entre as vértebras, pequenos espaços de cada lado permitem a saída dos nervos espinhais.

A hérnia de disco ocorre quando o núcleo pulposo, localizado no centro do disco intervertebral, rompe o anel fibroso e comprime a raiz do nervo, podendo gerar dor irradiada que se estende pela perna e até mesmo abaixo do joelho (a chamada dor ciática). Em alguns casos pode aparecer também alterações de sensibilidade, perda de força, de reflexo, e em casos mais graves, dificuldade para urinar ou reter a urina.

Sinto pontadas quando espirro ou tusso.
É bastante comum iniciar um quadro de dor nas costas ou ter a dor piorada quando tossimos e espirramos, especialmente quando estamos sentados. Dessa forma sempre que sentir necessidade de tossir ou espirrar, não fique sentado, procure ficar de pé ou se não for possível, aumente sua lordose lombar o máximo que você conseguir.




Av. N. S. Copacabana, 1018 | Salas 1103 e 1104 - Copacabana - RJ
Tel: (21) 2513-3167 | 98499-1301
contato@espacoemmovimento.com.br